De acordo com o Ministro da Educação, Victor Godoy Veiga, 1 milhão de pessoas inscreveram-se para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022 na abertura do calendário oficial. O exame é uma das portas de entrada para ingresso no Ensino Superior.

Com questões de múltipla escolha de Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Linguagens, Ciências Humanas, Matemática, Ciências da Natureza e Redação, é preciso muita preparação para alcançar a tão sonhada média alta. Você já adotou um ritmo de estudos?

Pensando nisso, separamos cinco dicas as quais podem ser colocadas em práticas para você ficar mais do que preparado para a prova, que acontece nos dias 13 e 20 de novembro. Vamos lá?

Conexão Mercado – Enem

Mantenha-se atualizado

Jornais, revistas, livros, portais de notícias… uma das exigências do exame é estar por dentro do que anda rolando no Brasil e no mundo. Muito além disso, a bagagem cultural auxilia na interpretação das questões e, no caso da redação, ainda traz referências e conhecimento em relação ao possível tema do ano — que sempre tem como base assuntos da atualidade.

Faça simulados

Estar familiarizado com o tempo de prova, a quantidade de questões e a redação é importante para mandar bem no Enem. Por isso, faça simulados na internet ou presencialmente em cursinhos; escolha temas indicados por especialistas para treinar a redação; e responda questões dos exames anteriores (clique aqui e confira as edições passadas e os gabaritos).

Para a galera que está no penúltimo ano do Ensino Médio ou que quer prestar o exame para entender como ele funciona, existe a opção de treineiro — você faz a inscrição apenas para “sentir na pele” o Enem, sem muita neura com a média final.

Monte um plano de estudos

É importante planejar e criar um cronograma de estudos para fazer a prova com mais tranquilidade. Dê uma olhada nas áreas que caem, organize-se conciliando com outras tarefas e manda ver nos estudos. Só não esqueça das pausas, elas também são necessárias.

Dá só uma olhada em algumas técnicas de estudo que podem ser muito úteis:

  • Mapas mentais (diagramas visuais que contêm conteúdos diferentes de cada matéria);
  • Técnica do Pomodoro (realize uma atividade em 25 minutos; descanse 5 minutos e assim por diante);
  • Método Robinson (siga essas ações: explorar, perguntar, ler, rememorar e repassar).

Saúde em primeiro lugar

Sabemos que a euforia por estar tão próximo de um sonho pode ocupar a nossa mente 24 horas por dia. Só que não é nada saudável ficar nesse ciclo de estudos sem pensar na própria saúde. Assim, se liga em algumas coisas que não podem ser esquecidas:

  • Alimentação balanceada
  • Hidratação
  • Exercícios físicos
  • Terapia
  • Investir no lazer e em momentos para você

Fique por dentro do cronograma do Enem

Já imaginou se preparar o ano inteiro e aí, no dia da prova, atrasar porque não se atentou ao horário de fechamento dos portões? Ou pior: perder o dia da aplicação do Exame porque não se atentou ao calendário?

São questões aparentemente simples de evitar, mas que precisam de atenção. Por isso, vamos dar uma reforçada nas informações — que podem ser encontradas de maneira mais aprofundada na página oficial do Inep. Clique aqui para conferir!

13 de novembro

Duração: 5 horas e 30 minutos

– 45 questões de Linguagens (Português e Língua Estrangeira, essa última escolhida no ato da inscrição);

– 45 questões de Ciências Humanas;

– Redação.

20 de novembro

Duração: 5 horas

– 45 questões de Matemática

– 45 questões de Ciências Da Natureza

Inscrições: 10 a 21 de maio

Pagamento da inscrição: 10 a 27 de maio

Pedido de atendimento especializado: 10 a 21 de maio

Pedido de tratamento pelo nome social: 23 a 28 de junho

Provas: 13 e 20 de novembro

Abertura dos portões: 12h

Fechamento dos portões: 13h

Início das provas: 13h30

Término das provas no 1º dia: 19h

Término das provas no 2º dia: 18h30

BÔNUS!

Ingresse na Unisa com o Enem:

Você sabia que pode ingressar na Unisa com sua nota do Enem? 

Tanto na Graduação EAD ou Presencial, você pode abster de fazer o vestibular e usar a nota da redação do Enem no momento da inscrição para abster de realizar prova. Lembrando que essa condição é válida para o Enem realizado a partir de 2009 e com pontuação mínima de 250 pontos na redação.

Ficou interessado? Visite nossa página e conheça os cursos ofertados!

E tem mais! Além da redação do Enem, a Unisa também oferece bolsas de até 100% no Programa Universidade Para Todos (ProUni), que utiliza a média do Exame. Fique atento ao calendário!

Curtiu o conteúdo? Acompanhe o #BlogdaUnisa para mais publicações sobre Educação e mercado de trabalho!

Deixe uma resposta